sábado, 29 de maio de 2010

Viajores

1994
e nunca mais te vi.
Salvador, Salvador
Rogai por mim.
Fiquei sem vatapá,
fiquei sem Dadá,
fiquei gargalhar
fiquei.

2010
correndo nos trilhos
dá-me trô polis
dorme voos
daime tempo
estação
Conceiçao
e eu me lembro de vc...
Vou te ver.
Te vi!
canyons catracas passei,
5000 anos te abraçei.

Um comentário:

Jane Fiuza Virmond disse...

lindo poema! e eu estava lá! beijos.